domingo, abril 25, 2010

Deixe a sua criança interior crescer



Cada um de nós tem um criança interior. E isso é algo importante de se ter sempre. O próprio Jesus disse que das crianças era o reino dos céus. Em si, a criança possui a pureza, a capacidade de amar a qualquer um sem esperar algo em troca. Um criança pode transformar o mais simples objeto em algo de grande valor. O sorriso de uma criança é simples e imaculado, e mesmo que ela erre, erra pela inocência de não conhecer o mundo ao seu redor. Acho que se o mundo estivesse repleto apenas de crianças, ele seria mais justo e melhor.
Se todos nós déssemos mais ouvidos a criança que há dentro de nós, o mundo em que vivemos seria um lugar ideal para todos.
Deixe a sua criança interior crecer. E aprenda que a vida pode ser arquitetada com gestos simples, com gestos como de crianças.

5 comentários:

Caroline disse...

Muito interresante, é claro que todos nós temos uma criança dentro de si, mesmo não demonstrando isso!

Dhandara disse...

que FOOFA essa neném *-*
aah eu demostro muuuito minha criança !

Dhandara ;*

..::*::.. Palavra de Guria ..::*::.. disse...

Se cada um cultivasse sua criança interior teríamos um mundo melhor.

Beijos

Hanriel disse...

O mundo está cheio de Harry Potter, aquele jovem que teve que perder a juventude para crescer mais rapidamente, ter as responsabilidades, esquecendo a juventude e sua criança, acabando com a geração de Peter Pan, aquele que não crescia, levando a fagulha da juventude por toda a vida, claro que isso sempre tem seus problemas, mas são originados pela inocência e excesso de vontade, não por obrigações e infintas regras.
Quando Hogwarts se ilumina, a Terra do Nunca escurece.

Gil disse...

Já dizia o filósofo chinês Mêncio: ”o grande homem é aquele que não perde o coração de criança”

Acho que todos nós deveríamos conservar em nosso âmago um pouco daquela criança que fomos um dia. Crianças são criaturas poderosas: elas emanam amor, esperança, bondade, vida. Vida... Devemos manter viva uma parte daquela criança que nunca se esquecia de sonhar sempre, que acreditava que poderia mudar o mundo, que se permitia parar para apreciar este belo espetáculo chamado vida. Não raramente parece que o mundo intenta matar essa criança: somos constantemente cobrados, somos impelidos a reprimir sentimentos, estamos sempre correndo, sendo avaliados, sentimentos como compaixão, bondade e sinceridade parecem serem relegados ao desuso. Tenho plena convicção de que se escutarmos a criança adormecida em nosso coração, nós seremos adultos melhores.