quarta-feira, agosto 18, 2010

Os caminhos que escolhemos nos escolhem



A vida seria bem mais fácil se já soubéssemos qual caminho andar.
Caminhos são as escolhas que fazemos na vida.
Para cada situação que vivemos, temos escolhas a fazer... Escolhas que nos levam a caminhos diferentes.
Mas quais caminhos trilhar?
Que escolhas fazer?
Essas são indagações que sempre fazemos ao trilhar o caminho da vida.
Essas respostas só vem com a experiência que vivemos ou que vemos o outro viver. É por isso que é importante parar-mos para analisar a aprender com as situações que nos são impostas pela vida. É daí que são tiradas as respostas.
Alguns filósofos dizem que quando se acha a verdade, se acha o caminho; Jesus disse: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida." e nós? O que dizemos? Bom, a resposta aparece para cada pessoa da maneira que lhe convém.
Eu acredito que as escolhas sempre nos apresentam suas conseqüências antes mesmo de optarmos por elas e cada um de nós sabe realmente o que fazer, que caminho tomar; só nos acomodamos ao fato de querermos o caminho mais fácil.
Os caminhos não só precisam de ser escolhidos por nós, precisamos que eles também nos escolha para que assim haja uma sintonia onde tudo dá certo no final. E como diria o grande pensador Fernando Sabino "se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim."


2 comentários:

Flavianna disse...

Muito liindo seu post!
beijinhoss!

Gil disse...

Hozaninha, você não poderia escolher imagem mais perfeita para ilustrar o destino! Imagino o destino como uma trilha composta por diversas bifurcações. Nós somos caminhantes em uma estrada chamada vida, é uma estrada sinuosa, composta por trilhas que se divergem, cruzam com as estradas de outras pessoas... Toda vez que você olhar para frente verá vários caminhos diferentes para seguir, mas se você olhar para trás parecerá que percorreu um só caminho.
Vivemos conforme as escolhas que fazemos. Enquanto houver vida em nós, haverá a possibilidade de fazer escolhas, boas escolhas.
Você que está do outro lado escolheu ler palavras de um desconhecido sobre o destino e a vida inspiradas por um texto de uma blogueira que para ele também é uma desconhecida.
A blogueira escolheu partilhar suas reflexões conosco. E todos nós escolhemos dispor um pouco do nosso tempo para refletir sobre as escolhas que fazemos. Pessoalmente, acho que todos nós fizemos boas escolhas agora.