sexta-feira, setembro 17, 2010

Ser feliz se faz no simples


Ter a liberdade de poder saber o que somos é que nos guia tanto para a felicidade quanto para a perdição.
Por isso devemos ter cuidado ao fabular desejos que podem estar andando de mãos dadas com a ilusão. Sonhos são tecidos com as mãos da perseverança. Desejos são anseios que surgem da necessidade de suprir algo que ainda falta em nós. E como sempre falta algo... Sempre desejamos.
O que fazer quando o coração fala mais alto que a razão? Tentar achar um equilíbrio e colocar na balança o mesmo peso da razão e a emoção são idéias muito úteis. Na verdade salvadoras. Só não devemos permitir que o medo nos impeça de alcançar o que para nós possa ser tudo ou nada.
As vezes, a única coisa que resta é se entregar ao que restou para nós sermos felizes. Não podemos ter medo de nos entregar. Renunciar desejos nos afasta de sentir-mos o gostinho de "ser humano" de verdade.
As vezes, a felicidade não é o que há de maior, mas os mínimos detalhes. O desejar, o sonhar, o querer, o suspirar, o pensar, e até a dor de amar. Em qualquer lugar podemos ser felizes. E pra falar a verdade, não teria graça se soubéssemos onde.

5 comentários:

João_Rich disse...

Ser feliz é ter amigos de verdade, Viver a vida ao lado de Deus e fazendo aquilo que gosta, no auge da juventude não é facil saber equilibrar o coração e a razão, mas é possivel ser extremamente feliz e com responsabilidade.

mariaana disse...

Amei seu blog.E não teria a menor graça se soubessemos onde encontrar a felicidade,porque o sentimento da descoberta é muito compensador !!

Bella disse...

gostei do blog.
bem elaborado, com um toque de meiguice sonhadora.

vi na comu do orkut.
passa lá: www.bellanoblogg.blogspot.com

aivilana disse...

Descreveu bem o que é ter felicidade. :)
Mais legal ainda é, como disse, não saber onde ela está.

Adorei o Blog!
To te seguindo! :)

@juzets disse...

adorei demais toseguindo