sexta-feira, dezembro 21, 2012

Te existir



Antes, eu pegaria uma flor e lhe daria. Pensaria que ela seria apenas um fragmento do que vejo em você. um de tantos fragmentos. Fragmentos que me perseguem, perseguem meus pensamentos, minhas ações e eu mesmo que pensei que existia melhor, quando vi por mim, não me existia mais. Te existia.
Te existi porque eu não consegui mais me segurar, me cativar e me fazer perder tempo com as coisas que eu sempre quis pra mim. É estranho, porque eu não quero mais nada.
Quero que me devolvas a minha parte e tudo que eu guardei pra um ou talvez dois. Me devolvas aquela flor que te dei. Me devolvas a força que eu tinha, a força que me segurava e me fazia ficar de pé. Me devolvas meu eu porque já me cansei de não existir mais.

Nenhum comentário: